(41) 99821-2381 pecaoracao@gmail.com
Revelação Sem Quaisquer Perguntas
28 de maio
Naquele dia nada me perguntareis.
João 16.23
28 de maio de 2020

Quando será “aquele dia”? Quando o Senhor que subiu ao céu fizer de nós um com o Pai. Naquele dia, seremos um com o Pai, como Jesus o é, e “naquele dia”, diz Jesus, “nada me perguntareis mais”. Enquanto a vida ressurrecta de Jesus não se manifestar em nós conforme prometido, teremos muitas perguntas para Lhe fazer; mas, quando chegarmos ao ponto de confiança total na vida real e ressurrecta de Jesus, que nos coloca em perfeito contacto com o propósito de Deus, descobriremos que todas as perguntas cessam, e parece que não temos nada mais para questioná-lo. Você está vivendo essa vida agora? Se não estiver, por que razão não passa a vivê-la já?

Pode ainda haver um sem número de coisas escurecidas para o nosso entendimento, mas elas não se interporão entre nosso coração e esse Deus. “E naquele dia não me fareis nenhuma pergunta!” Não precisamos perguntar nada, pois estamos certos de que Deus resolverá tudo de acordo com sua vontade. João 14.1 passa a traduzir o verdadeiro estado de nosso coração e será ali quando cessam todas as perguntas.

Se alguma coisa ainda constitui um enigma para si e se isso, assim sendo, se interpõe entre si e Deus, não procure a explicação para seu intelecto, procure-a na sua disposição — ela é que está errada. Tão logo sua disposição concorde em submeter-se à vida de Jesus, tudo o que possa ser mistério se desfaz e você atingirá ali aquele ponto no qual não há separação entre si e o Pai, porque o Senhor vos fez um. “… Naquele dia nada me perguntareis”.

Bíblia em um ano: 2 Crônicas 4-6; João 10:24-42

Escrito por Oswald Chambers.

Confira mais devocionais escritos por Oswald Chambers, no original clicando aqui.

Texto retirado e traduzido de Utmost.org

O “Vai” do Nosso Relacionamento

O “Vai” do Nosso Relacionamento

O ensino do Senhor resume-se assim: o tipo de relacionamento que ele exige é impossível, a menos que ele tenha operado em nós essa obra sobrenatural primeiro. Jesus Cristo exige que, ao nos defrontarmos com a tirania e a injustiça, não haja em nosso coração o mais...

O “Vai” da Preparação

O “Vai” da Preparação

Gostamos de pensar que um dia estaremos perfeitos e prontos para toa a boa obra, mas a preparação não é uma posição de alcançar de uma hora para outra; é um processo que precisa ser firmemente mantido e impenetrável até ao seu fim. É perigoso acomodarmo-nos numa...

O Alvo do Missionário

O Alvo do Missionário

Na vida natural, todos aqueles anseios pessoais vão-se modificando na medida que passamos de uma fase para outra mais solidificada; na vida evangélica, o alvo nos é proposto logo desde o início; o princípio e o fim são o mesmo, isto é, o próprio Senhor Jesus Cristo de...

Share This