(41) 99821-2381 pecaoracao@gmail.com
Vê Jesus Nas Nuvens?
29 de julho
Eis que vem com as nuvens.
Apocalipse 1.7
29 de julho de 2020

Na Bíblia, as nuvens acham-se sempre relacionadas com Deus. As nuvens são aquelas tristezas, sofrimentos ou provações de nossa vida, que parecem desafiar todo o domínio de Deus. São precisamente essas nuvens que o Espírito de Deus está usando para nos ensinar a andar na fé. Se não houvesse nuvens, não obteríamos fé. “As nuvens são o pó dos Seus pés”, Naum1:3; são um sinal de que ele está ali presente connosco. Que grande revelação é saber que a tristeza, a desolação e o sofrimento são as nuvens que acompa­nham Deus! Deus não pode aproximar-se de nós sem as nuvens; ele não pode aproximar-se com toda a sua luminosidade sem haver protecção.

Não é certo afirmar que Deus nos quer ensinar alguma coisa através das provações que recaem sobre nós: através de cada nuvem que Ele envia, Ele quer que desaprendamos algo, por certo. Seu propósito, ao mandar uma nuvem, é simplificar nossa fé até que nosso relacionamento com ele seja exactamente como o de uma criança — apenas Deus e minha alma — onde as outras pessoas se tornam em sombras. Enquanto as outras pessoas não se tornarem sombras, nuvens e escuridão me envolverão de quando em quando ainda. Será que meu relacionamento com Deus se vai tornando cada vez mais simples?

Existe uma relação entre as estranhas providências de Deus e aquilo que sabemos dele; temos que aprender a interpretar os mistérios da vida à luz do conhecimento que temos de Deus. A menos que sejamos capazes de encarar de frente os mais negros e sombrios acontecimentos, sem lançar dúvidas sobre o próprio carácter de Deus, na verdade mal o conhecemos.

“… E encheram-se de medo ao entrarem na nuvem”, Luc.9:34. Há mais alguém dentro de sua nuvem a não ser Jesus? Se houver, a situação tornar-se-á ainda mais escura para si oportunamente; você tem que chegar a um ponto onde não haja ninguém mais senão Jesus, Marc.9:8.

Bíblia em um ano: Salmos 49-50; Romanos 1

Escrito por Oswald Chambers.

Confira mais devocionais escritos por Oswald Chambers, no original clicando aqui.

Texto retirado e traduzido de Utmost.org

Perfeição Cristã

Perfeição Cristã

Trata-se dum erro crasso aludirmos que Deus quer fazer de nós exemplos de perfeição como criaturas dele. O projeto de Deus é fazer-nos um com ele acima de tudo. Alguns movimentos de renovação tendem a ensinar que Deus está a produzir espécimes de santos para colocar...

A Diferença Entre a Lei e o Evangelho

A Diferença Entre a Lei e o Evangelho

A lei moral não toma nota nem leva em consideração, de nenhuma maneira, nossas ditas falhas e fraquezas como seres humanos; ela não leva em conta nossa hereditariedade e fraquezas, mas exige que sejamos integralmente morais como Deus. A lei moral nunca se alterará,...

Pela Graça de Deus, Sou o que Sou

Pela Graça de Deus, Sou o que Sou

O hábito de falarmos continuamente sobre a nossa incapacidade é um insulto dirigido a nosso Criador. Deplorar a nossa incompetência é caluniar a Deus abertamente, insinuando que ele nos negligenciou de algum modo mais específico. Cultive o hábito de examinar, na...

Share This